quinta-feira, 23 de julho de 2009

Adeus Cuca?


Queridos amigos, ontem mais uma vez o Flamengo bobeou e empatou com o Barueri em pleno Maracanã. Tem se tornado rotineiro os vexames em casa. Todo ano temos, no mínimo, um vexame. Chego sentir uma fisgada no peito quando lembro de alguns deles. O que será que tem acontecido com o nosso caldeirão? O que tem acontecido com nossos jogadores? Pior, o que tem acontecido com nosso amado clube?

Ontem a torcida vaiou e se despediu do Cuca. Mas será que a culpa é dele? Quantos técnicos tivemos nos últimos 10 anos? Quais os bons resultados tivemos neste período? Trocamos de técnicos diversas vezes, e que me lembro, no brasileiro o nosso máximo foi um 3° lugar em 2007 e um 5° ano passado. Falo de Brasileiros e não de Copa do Brasil e outro campeonatos, que em tese são menos complicados.

Vai sair o Cuca, vai chegar outro e mais outro, e os problemas continuarão. É compreensível que a torcida no momento da fúria, no calor do momento critique jogadores e técnico, eles realmente merecem protestos. Mas a torcida tem que esfriar a cabeça e perceber que o problema principal não está no time, ou no técnico. Está em quem comanda o Flamengo. Em outras palavras, está na diretoria.

Tema manjado, velho e chato. Mas é irritante ver a omissão da torcida na cobrança de nossos dirigentes. Não se trata de quebrar tudo, bater, usar a violência. Mas sim de se organizar, começar a participar das decisões do clube e precionar mais de perto e não apenas das arquibancadas.

Ontem mais de 25 mil pessoas estiveram no Maraca, nada mau para uma quarta-feira, 19:30h. Nós temos o poder nas mãos, precisamos apenas trocar as regalias que geram omissões por um futuro mais brilhante, como foi no passado. Voltar a ser vencedor, pois já está sem graça conquistar apenas o Carioca e depois ser figurante no Brasileirão.

Sou fã da torcida do Mengão, todos sabem. Mas minha idolatria tem se restringido apenas à arquibancada, pois no quesito lutar pelo Flamengo que queremos, a torcida tem me decepcionado e muito. Eu não tenho este poder de liderar, mas as organizadas têm. Estou disposto a ajudar o Flamengo e contribuo da maneira que posso. Mas as organizadas têm um potencial incrível e se limitam a vaiar jogadores e técnicos.

Passou da hora de mudar o foco dos protestos. Só faixas não resolvem, é preciso ter voz ativa.

SRN

7 comentários:

Gremista Fanático disse...

Cara sou completamente contra a saida de tecnicos com mau desempenho dos times, mas a situação de Cuca esta insustentavel semelhante a de Roth no Grêmio, abraço.
Saudações do Gremista Fanático

Sobre o Futebol Carioca disse...

ele é um bom tecnico!

Sobre o Futebol Carioca disse...

ele é um bom tecnico!

vôo do urubu disse...

Mudanças são urgentes. Mas nada vai mudar na próxima eleição. Vamos nos preparar para a seguinte. É o caminho das pedras.

Saudações rubronegras!

Wilson Hebert disse...

Jefferson, você já viu uma matéria que saiu no Globoesporte.com?

Acabei de escrever sobre ela no meu blog...

Acho que a coisa é um pouco diferente do que a gente acha.

Temos que ver como a equipe se sairá no jogo contra o Santos...

Abraço!

Julio Cesar disse...

Fala Jefferson!

Cara, foi mal, nem tive tempo pra falar sobre o programa segunda, viajei na terça de manhã , mas é claro que achei fodão! Vcs são feras cara!

SRN abraço

oPerna disse...

falou exatamente o que faltava,
sempre me senti impotente por não poder seguir os mandantes do flamengo tanto por falta de tempo quanto de dinheiro para ser sócio, sempre tive essa vontade de opinar e saber do que acontece na gávea,

mas realmente, as organizadas tem esse poder e não o utilizam.

abraçao aew kra,
to meio sumido sem internet mas to aew,
vlw!!!