terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Zico: o verdadeiro fenômeno!


É uma missão impossível definir o Zico. Isso porque não sabemos se ele é um grande ídolo, ou o próprio clube do Flamengo em forma de pessoa. Hoje, mais uma vez ele mostrou toda a sua maestria e categoria com a bola nos pés. Sinceramente, ano passado foi bem melhor, tanto na qualidade do jogo, como no número da torcida.

Tudo bem que 15.000 torcedores foi a média de público de muitos times grandes em 2008. Se formos ver todos os jogos do brasileiro de 2008, são poucos os clubes que têm uma média maior que esta. Mas, nós Flamenguistas estamos acostumados com no mínimo 40.000, por isso ficou uma certa decepção com o número de torcedores, exatamente, 15.479 pagantes.
Se pensarmos também que a pelada do Ronaldinho levou pouco mais de 16.000, vemos que o público não foi tão ruim, pois em um futebol que leva o Ronaldinho e diversos jogadores ainda em atividade para Belém, onde quase não se tem eventos desse nível, só se tem 16.000 torcedores, um maracanã com 15.000 torcedores não é nada mau. Sem falar que pela recepção que teve, metade do público em Belém, foi para ver o Léo Moura, haja vista o número expressivo de Flamenguistas lá.

Mas isso não foi o suficiente para ofuscar o brilho do nosso eterno Zico. Começou mostrando todo o seu bom caráter ao ceder sua camisa 10 ao Rivelino. Depois marcou 3 gols e deu passes para outros, além de lançamentos que nos deixam com aquele sentimento de saudade e tristeza por não mais contar com toda essa classe. Saudade não só para o Flamenguista, mas para todo o torcedor brasileiro.

Djalminha também mostrou muita categoria, Rivaldo também mostrou que é bom. Agora Roberto Carlos afundou o time do Zico no 1° tempo. Com a entrada de Athirson o time melhorou muito e conseguiu a virada. Júnior mostrou que é maestro e o eterno vovô garoto.

Nas arquibancadas, além da reverência aos ídolos do Fla, houve muitos protestos contra a diretoria e principalmente contra o Ronaldo.

Sobre a diretoria, a torcida fez um pedido: "Flamengo urgente, Leonardo presidente", gritava a torcida do Fla. Já o Ronaldo, eu tenho minha opinião. Azar o dele por ter trocado a Gávea pelo Parque São Jorge. Jamais terá uma festa como a que há todos os anos e todos os jogos do Fla. Nunca será reverenciado pela maior torcida do mundo. Por isso meus amigos, não temos nada a lamentar, só ele que logo logo cairá no esquecimento do povo, como a maioria dos "ex-ídolos" dos clubes. Poucos são idolatrados como o Zico é.
O Maestro Junior em seu blog no site globo.com, escreveu sobre o Ronaldo e na sua última frase ele deixou a entender o péssimo negócio que o Ronaldo fez: "Pena que, depois do que ocorreu, dificilmente a galera vai aceitá-lo um dia. Ele, talvez, não saiba o que é jogar no Flamengo, e eu sei bem o que é isso, afinal, foram mais de 800 jogos com a minha segunda pele."

Já o Zico é sem comentários, um jogador que aos 55 anos joga 90 minutos, faz 3 gols, dribles e lançamentos; leva milhares ao estádio, e é amado por milhões, só pode ser fenômeno, por tudo o que fez em campo e pelo que ainda desperta na torcida. Parabéns Zico, o verdadeiro fenômeno!

SRN

6 comentários:

Gremista Fanático disse...

Grande Zico, grandes torcedores os que compareceram ao jogo. O Grêmio teve media de 31 mil nesse campeoanto Guerreiro.

Um Feliz Natal e Ano Novo pra voce e sua familia Guerreiro, saudaçoes do Gremista Fanático.

Sobre o Futebol Carioca disse...

eu desejo pra você um FELIZ NATAL!

Daniel Reiner disse...

Que seu Natal tenha sido repleto de bons sentimentos e emoções e,assim sendo, que eles se renovem a cada dia na sua vida.

FORTE ABRAÇO!

gremiodecoracao disse...

bom natal e feliz ano novo x)

2009? haverá novidades.



beijão

Vinicius Grissi disse...

O Zico é, de fato, um ídolo de altíssimo nível. À altura da grandiosidade do Flamengo.

Lucas Martins disse...

quem É rei, nunca perde a majestade..

SRN e Feliz Ano Novo!